sexta-feira, setembro 21, 2007

NAS PLANTAS DOS NOSSOS PÉS

PENSAMENTOS DO DIA:

Comece por fazer o que é necessário, depois o que é possível e de repente estará a fazer o impossível.

(São Francisco de Assis)

Não é que nos falte valor para empreender as coisas por elas serem difíceis; mas elas são difíceis precisamente porque nos falta valor para as empreender.

(Séneca)

* * * * * * * * * * * * * * * * * * **

Se os pés são o "espelho do nosso corpo", temos de os olhar de uma maneira diferente e ver o que eles têm para nos dizer.


.... E talvez eles nos "digam" o que ainda não sabemos.



E já agora:

O outono chegou. O tempo está a arrefecer.

Lembram-se da fábula da cigarra e da formiga?

A formiguinha....

Aquele pequenino e insignificante bichinho que dizem ser muito trabalhador....

Pois bem: A foto que se segue foi tirada na última deslocação à aldeia. A imagem vê-se muito mal, mas talvez dê para perceber.

Uma pequenina formiga a tentar, a todo o custo, arrastar uma pena.

Eu só pergunto: para que queria ela tal utensílio? Que falta lhe fazia esse objecto lá no formigueiro?

Para quê tanto trabalho se a pena não conseguiria, certamente, passar na entrada do formigueiro?

Talvez a ideia não fosse má: com o tempo frio, e pondo-se por baixo dela, sempre servia de cobertor!

Ai....formiga.....formiga..... que tens mais olhos que barriga.....


E amanhã este blog faz 1 ano!

7 comentários:

Dharma disse...

Olá turb-Ó-lenta. Primeiro começo por dizer que gosto de Séneca e por coincidência vou postar também palavras suas, a que recorro muitas vezes e caem sempre bem porque revelam coisas válidas que muitas vezes vamos esquecendo. Depois, essa coisa dos pés já se practica lá em casa à muito tempo: somos adeptos da bela massagem nos ditos cujos. Por fim, ainda há semanas chamava a atenção ao filho a uma formiga que passava carregada. É impressionante como elas deslocam materiais com o dobro e o triplo do seu peso. São umas pequenas valentes!
Bom fds para ti e desejo que o teu blogue ainda dure muitos mais anos com a vitalidade com que sempre nos habituas-te. Beijinhos

Lídia disse...

Sábios pensamentos esses! A reflexologia... A cada parte do nosso pé corresponde um orgão do nosso corpo. É muito interessante observar as formigas. Ela lá sabe para que quereria a pena :)
Bom fim-de-semana e muitos parabéns a si e ao blogue. Gosto muito de passar por aqui. Felicidades!

Gioconda disse...

Ai os pés são o meu calcanhar "de aquiles", eheheheh eu ando mesmo com a mania das gracinhas. Mas a serio aquilo que mais me faz sofrer são os pés, sofro horrores por causa destes dois bocadinhos de carne e osso...

E porque amanhã não devo andar por aqui, parabens ao teu blog e a ti por saberes mante-lo sempre com o mesmo interesse... uma beijoca e até sempre...

Gata Verde disse...

A pena talvez sirva de cobertor!!!

(Gostei das tuas aventuras. No nosso caso,o mais giro foi tentar tirar a nossa amiga da lama quando tirou a foto. O pezito dela nunca mais foi o mesmo...)

Bjs

Anette disse...

PARABÉNS!!!!!!
beijinhos grandes

Osc@r Luiz disse...

Parabéns pelo aniversário do seu blog, minha querida!
\o/
Descobri no curso que estou fazendo que caracóis de jardim são muito rápidos em seu desenvolvimento. Tem uma vida de até 2 anos, mas já com 2 a 3 meses, dependendo das condições favoráveis, já são adultos e estão em idade reprodutiva.
Beijos, querida!
Parabéns mais uma vez e um bom final de semana!

Osc@r Luiz disse...

Passei pra deixar um beijo e desejar um excelente outono que hoje começa aí, enquanto aqui é a chegada da primavera!